terça-feira, 16 de fevereiro de 2016

NOTÍCIAS DE LÍMBIA: INSOLIDÃO



"Eu gosto de ser sozinho... Isso não me incomoda..."
Olhar curioso sobre a possibilidade da existência de casais felizes... Os pais não são felizes!!!
Um delicado devaneio, nunca reconhecido, de estar com uma namorada, de casar, de ter filhos.
A verdade contida na solidão, a esconder o desejo de não estar só...
A estratégia, sempre muito atrapalhada e ineficaz, de aproximação em direção à mulher idealizada.

"Meu problema é a insônia."
Não consegue dormir, preocupado em não conseguir acordar na hora certa.
Toma remédio para dormir, toma remédio para se manter acordado.
Um certo pavor de entrar em contato com o onírico do sonho, um medo terrível de fantasiar e de sair de certa zona de conforto absolutamente racional e não afetiva... Controle absoluto!!!

"A culpa é de meus pais"
Sempre é!!! Gostamos de acreditar nisso!!! É reconfortante!!! Nos desresponsabiliza!!!
Existe ali uma disputa de quem é mais problemático... Ele quer ser o mais problemático... Precisa ser... Precisa manter-se no lugar confortável de ser problemático!!!
Se todos são esquisitos, que ele seja o mais esquisito de todos!!! Boa desculpa!!!

"Gosto de ser assim, esquisito..."
Ele não é esquisito, mas se disfarça bem em suas esquisitices...
Uma forte barreira, uma assepsia perfeita a qualquer contato afetivo.
Uma blindagem de homem de ferro, atômica, racional, matemática...
Uma ilusão, um engodo... Não demora muito, se vê novamente a ter de por em controle a avalanche de fantasias... Malditos hormônios... Viveríamos melhor sem eles!!!

Comprou camisas novas!!! Para quê?!? Apenas comprou... Quem sabe...


*DADOS CARTOGRÁFICOS: Límbia é Real sem existir em lugar algum. Faz-se justiça ao cartógrafo Fabio Herrmann que a define: “Isto é Límbia, terra da ficção verdadeira. Límbia não foi inventada. É a própria invenção.” HERRMANN, F. (2002) A Infância de Adão e Outras Ficções Freudianas. Casa do Psicólogo: São Paulo (p.34).

Nenhum comentário:

Postar um comentário