sexta-feira, 13 de setembro de 2013

NOTÍCIAS DE LÍMBIA: UTOPIA



Sente-se sozinha. Sente-se solidão.

Se você não quer deitar-se, sente-se.

Há outra dela que quer deitar-se.
Deitar-se em um sono letárgico, sem barulho de gente, sem barulho de criança, sem barulho algum.
O Mundo lhe vendeu ilusões de tudo perfeito e não lhe entregou. É muito difícil desiludir-se de certas instituições humanas. As instituições humanas estão falindo para ela. Seus heróis estão morrendo...

Não é justo... Ela fez tudo por eles... E agora a desligam assim, por telefone?!?

Na Utopia de Platão, a Piedade é filha da Injustiça. Em um mundo justo, não há sentido a piedade.

Há outra dela que quer deitar-se.
Deitar-se aos prazeres mundanos da carne, sem remorso, sem culpa, sem necessidade de coligações políticas com o Amor.
Cuidou do corpo. O corpo ficou bom... Desejável... Desejante...
Agora busca prazer com o corpo que ficou bom, mas nada, não encontra.

Às vezes sinto falta de carinho, às vezes não. Às vezes quero apenas um "pinto amigo". Será que não pode?!? Será que não pode ser simples assim: sexo e pronto!!! Que saco!!! Há tempos que só sou penetrada na endoscopia!!! (rsrsrs) - Um mal-estar sendo gerado no estômago...

Mas se dá conta que sente... E sentindo, vive!!!
Entre uma frustração e outra, achou brecha para um "cafezinho íntimo".

Lembra quando conversamos sobre a importância de um cafezinho?!? Você tem o teu... Acho que estou descobrindo o meu, ou melhor, como você diz, os meus!!!


*DADOS CARTOGRÁFICOS: Límbia é Real sem existir em lugar algum. Faz-se justiça ao cartógrafo Fabio Herrmann que a define: “Isto é Límbia, terra da ficção verdadeira. Límbia não foi inventada. É a própria invenção.” HERRMANN, F. (2002) A Infância de Adão e Outras Ficções Freudianas. Casa do Psicólogo: São Paulo (p.34)

Nenhum comentário:

Postar um comentário